Brasil e o jogos eletrônicos

Olá a todos,

Bem a partir de hoje sou o mais novo colaborador do HL e resolvi como meu primeiro post fazer uma reflexão sobre o mercado de games no Brasil. sem mais delongas vamos a ela.

Hoje em dia não é mais novidade para ninguém o quanto as grandes empresas de games e entretenimento  tem almejado o mercado brasileiro. temos o exemplo da Ubisoft gigante mundial em desenvolvimento e criadora de franquias clássicas como a série Prince of Percia, que abriu um estúdio na terra tupiniquim  no ano passado.  logicamente este não é o primeiro nem o único esforço neste sentido (quem viveu a época de ouro da Playtronic/Gradiente  “Nintendo”  e da Tec Toy “Sega” sabe do que estou falando), porém é inegável que “nunca na história desde pais” (já ouvi alguém falar isso…) se investiu tanto e tão pesado no pais. Este ano promete investimentos ainda mais pesados de empresas como Microsoft (que na verdade de todas é a que vem investindo a mais tempo no Brasil, para quem não se lembra nós fomos o primeiro pais a ver e jogar o Xbox 360 durante a EGS  em 2005) , Sony vendendo oficialmente (apesar dos 10 anos de demora) o Playstation 2, e recentemente as plataformas PSP e Playstation 3 e a Nintendo (que através de importadoras  oferecia suporte técnico e produtos oficiais da Big N) que anunciou para a surpresa de todos que a sua nova plataforma o 3DS ter o idioma brasileiro nativo e já informou que tem grandes intenções de entrar com tudo no pais.

Porém a pergunta que já deve estar passando na sua cabeça já foi respondida a muito tempo. “Porque é tão dificil isso acontecer?” isso é fácil, impostos! é a primeira coisa que passa pela cabeça das pessoas. mais na verdade não é bem por ai… temos também a pirataria que torna ainda mais desleal esta batalha e é neste ponto que estava tentando chegar. não acho que as pessoas se incomodem em pagar tanto pelo seu PS3, X360,Wii ou qualquer outro hardware portátil ou não, uma vez que nestes casos o aparelho é usado por muito tempo a pessoa tem garantia e hoje em dia pode até usar outras funcionalidades do equipamento (seja navegar na internet, ver filmes, etc…) mais tenho certeza que todos acham absurdo o preço dos jogos no Brasil. a carga tributaria do pais chega a ser 100%  do valor do produto e isso apenas por ele ser classificado como jogo de azar (para se ter idéia se ele for classificado como cultura essa tributação cai para apenas 8%) e há pessoas que lutam por preços melhores (um grande exemplo é o projeto jogo justo que faz um excelente trabalho) porém para quem foi a Game World a algumas semanas não só para ver o tão esperado portátil da Nintendo mais para analisar o mercado deve ter notado um certo receio das próprias empresas investidoras.  digo isso porque era fácil notar que apesar de toda a espectativa para o evento o local era bem inadequado para o tamanho do evento (a EGS por exemplo usou metade do pavilhão branco o Center norte no primeiro ano e no ano seguinte foi usado o pavilhão inteiro, isso numa época que a indústria de games ainda tinha maus olhos para o pais) isso sem falar com problemas do local para esse tipo de evento (comer alguma coisa por lá foi mais dificil do que jogar GT5) . Sendo assim meu caro leitor você me pergunta “o que isso tem haver com o mercado?”. Muita coisa se parar para pensar. explicando melhor, o fato de os próprios produtores do evento não acreditarem nas proporções do mesmo mostrar que eles ainda não tem confiança do publico gamer no pais. Felizmente a galera compareceu em peso ao evento para mostrar que eles estão errados, que queremos games sim e logo… podem ter certeza que as grandes viram isso e se continuarmos assim esse ano será maravilhoso para todos nós. acho que já está na hora de as pessoas abandonarem aqueles 10 jogos piratas que você só vai jogar uma vez e comprar um jogo original que vai valer mais a pena e fazer crescer nosso mercado. hora de mostrar para o governo que a pirataria pode ser vencida sim mais que eles são os maiores culpados por ela ser tão grande.

Até a proxima

Related Post

Vídeo mostra Heavy Rain funcionando com o Move Heavy Rain foi um dos jogos mais revolucionários da geração, tal como foi Indio Prophecy na geração passada. Um jogo com uma trama adulta e completame...
Sony pode ter tirado Crash Bandicoot da Activision Mais uma vez tirando a poeira e teias de aranha do blog, desculpem pela ausência, estive mais focado no canal e deixei o blog de lado por uns meses. ...
Novo Dragon Ball anunciado para PS4! É, virou festa, todo ano agora tem que ter um novo jogo de Dragon Ball que vai te fazer rever toda a história do anime de novo...Mas a novidade ag...
LittleBigPlanet 3 é anunciado para PS4 https://www.youtube.com/watch?v=ymCDdrMKPrYA conferência da Sony foi recheada de jogos exclusivos, entre eles, o novo LittleBigPlanet 3 que traz d...
  • bom

    seja bem vindo, post interessante, gosto de conteudo assim, muito bom mesmo, parabens…

    só uma coisa, tenta colocar imagens pra não ficar algo muito seco, pede pra mayumi te mostrar como colocar imagem de destaque pra aparecer na pagina inicial

    flw